Dilma está a frente de Lula e FHC em aprovação, segundo pesquisa

Termina sexta-feira o prazo para que os beneficiários do Bolsa Família atualizem seus cadastros. Para isso eles deverão informar mudança de endereço ou de renda, quando houver, local da escola dos filhos. Todos esses dados são necessários para garantir que o programa atinja à parcela da população com renda per capita de até R$ 140.

A atualização dos cadastros dos beneficiários do Bolsa Família é feita de dois em dois anos pelo Ministério do Desenvolvimento Social e pelos municípios. Todos que não atualizarem seus cadastros recebem avisos em seus extratos bancários de pagamentos. Se alguém ficar durante dois anos com as informações cadastrais desatualizadas pode ter o benéfico bloqueado ou cancelado. O beneficiário com o cadastro não atualizado perde também o benefício da tarifa social de energia elétrica.

Para atualizar informações como mudança de endereço ou renda e composição familiar os gestores do programa de todo o Brasil devem acessar o Sistema de Gestão Integrada do Programa Bolsa Família.