O PAPEL DA MULHER NA SOCIEDADE MODERNA

Drª. Maria Eunice Torres do Nascimento*

mulher-texto-eunice

A vida tem duas faces: Positiva e negativa.

O passado foi duro mas deixou o seu legado

Saber viver é a grande sabedoria.

Que eu possa dignificar, minha condição de mulher, aceitar suas limitações.

E me fazer pedra de segurança dos valores que vão desmoronando.

Nasci em tempos rudes.

Aceitei contradições lutas e pedras

como lições de vida e delas me sirvo.”

Cora Coralina

.

Enquanto o homem e a mulher não se reconhecerem como semelhantes, enquanto não se respeitarem como pessoas em que, do ponto de vista social, política e econômico, não há a menor diferença, os seres humanos estarão condenados a não verem o que têm de melhor: a sua liberdade.”

Simone de Beauvoir

.

As transformações sociais ocorridas nas últimas décadas, desencadearam também profundas mudanças e redefinição do papel da mulher na sociedade moderna.

BREVE HISTÓRICO

No que se refere especificamente à história de lutas e conquistas, em nível mundial, Santos (2002) destaca as seguintes datas:

8 de março – Dia Internacional da Mulher: É uma das datas mais importantes, pois neste dia, no ano de 1857, as operárias da fábrica têxtil Cotton, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, fizeram uma greve, em protesto contra uma jornada diária de 16 horas e baixos salários. Como resposta à manifestação, os patrões mandaram incendiar o prédio e 129 mulheres morreram queimadas.

19 de abril – Dia do Índio: As mulheres indígenas são ainda mais vítimas da discriminação e sofrem preconceito de gênero e raça, bem como opressão. A data foi escolhida em 1940, durante o 1º Congresso Indigenista Interamericano, na cidade de Patzcuaro, no México. O Brasil adotou a data em 1943.

25 de abril – Dia Latino-Americano da Mulher Negra: Assim como as índias, as negras também enfrentam discriminação de gênero, raça e opressão. As comemorações pelo Dia Latino-americano da Mulher Negra podem incorporar também o 21 de março, Dia Internacional contra a Discriminação Racial, instituído pela ONU, em razão do massacre de 70 jovens negros em Sharpeville, na África do Sul (1960).

27 de abril – Dia da Empregada Doméstica: As empregadas domésticas enfrentam o preconceito de gênero e o social. Faz-se necessário reconhecer o trabalho dessas mulheres, que não é valorizado por ser realizado dentro de casa.

28 de maio – Dia Internacional de Ação pela Saúde da Mulher: As questões relacionadas à saúde das mulheres foram discutidas por especialistas do mundo inteiro em 1987, na Costa Rica, durante o V Encontro Internacional Mulher e Saúde. Após esse evento, foi decidido que o dia 28 de março marcaria a urgência de ações em favor da saúde feminina.

05 de junho – Dia Mundial da Ecologia e do Meio Ambiente: Este dia também pode ser comemorado sob uma perspectiva feminina, haja vista que são as mulheres que mais preservam o meio ambiente, ao praticar formas menos ofensivas de manipulação da terra, como a agricultura familiar, por exemplo.

15 de outubro – Dia Internacional da Trabalhadora Rural:  Não se pode perder a oportunidade de celebrar as conquistas já obtidas e nem de cobrar mais ações promotoras da igualdade de gênero no campo. Nesse dia, deve-se destacar a importância das mulheres rurais na agricultura, na segurança alimentar e no desenvolvimento da zona rural.

25 de novembro – Dia Mundial de Combate à Violência Contra a Mulher:  Em 25 de novembro de 1960, duas irmãs foram brutalmente assassinadas na República Dominicana, durante o regime do ditador Trujillo. Desde 1981, o dia é usado, em vários países, como alerta para a necessidade de combater a violência contra as mulheres. Para marcar a data, é importante promover discussões sobre o tema.

01 de dezembro – Dia Mundial de Combate à Aids: As estatísticas mostram que as mulheres são as maiores vítimas da AIDS. A cada ano, vinte mil pessoas são contaminadas no Brasil. Em 1987, a relação era de 16 homens com a doença para cada mulher. Já em 2002, a proporção é de 2 para 1. E neste contexto, a importância dada à saúde da mulher vem crescendo nos últimos anos, com o surgimento de redes governamentais e não-governamentais específicas que trabalham para melhorar a qualidade do atendimento prestado.

10 de dezembro – Declaração Universal dos Direitos Humanos: Somente a partir de 1948, os homens e as mulheres passaram a ser considerados como titulares de direitos individuais e sociais. A Declaração provocou reação imediata por parte de grupos de mulheres e uma verdadeira luta foi empreendida. As primeiras datam já no início da década de 50, mas os avanços mais significativos só viriam a partir da década de 70, com a realização dos ciclos de conferências mundiais sobre os direitos das mulheres.

A MULHER NA MODERNIDADE

Na sociedade moderna, a mulher está cada vez mais conquistando seu espaço no ambiente profissional e participando das mudanças ocorridas na contemporaneidade. Aos poucos as habilidades e características femininas começam a ser valorizadas pela sociedade, deixando a mulher, aos poucos de ser uma mera coadjuvante em determinados segmentos sociais e profissionais, possibilitando cada vez mais o seu acesso às posições estratégicas em suas profissões.

Em relação ao trabalho, tais mudanças são ainda mais visíveis. Isto porque com o processo de reestruturação produtiva e com o crescente número de mulheres no mercado de trabalho, a mão-de-obra feminina tem sido cada vez mais aceita e solicitada. Contudo, este contingente feminino ainda tem sido sujeito a algumas limitações, ou tem sofrido dificuldades quanto ao seu acesso a cargos que exigem maior qualificação ou que oferecem maiores possibilidades de ascensão na carreira, especialmente no que se refere a dinâmica de conciliação das demandas familiar e profissional.

Ao longo das últimas décadas do século XX, as conquistas sociais femininas e no mercado de trabalho foram muitas, no entanto ainda está aquém do ideal. As mulheres têm hoje maior participação, não só no mercado de trabalho, como também nas esferas política e econômica e elas já estão mais à vontade e escolhem de forma mais livre com quem e como querem estabelecer suas relações conjugais.

Na realidade, as mulheres foram da esfera doméstica à ocupação de diferentes funções na sociedade moderna, mas estas conquistas sociais têm sido alcançadas e assimiladas de forma diferente pelas mulheres. O alcance e assimilação das conquistas sociais femininas variam de acordo com a classe social, o grau de escolaridade e a possibilidade real para superar as desigualdades de oportunidades entre homens e mulheres que ainda existem e persistem na sociedade atual, tanto na família como nas mais diferentes esferas sociais.

Outro ponto importante a salientar é que as mulheres ainda ocupam menos cargos de poder e prestígio e continuam a ser vistas como as principais responsáveis pela casa e pela família.

Na sociedade atual a mulher vem aprendendo a lidar com os problemas e aos poucos vem aprendendo e sabendo discernir as dificuldades encontradas na dupla e algumas, na tripla jornada de trabalho, no lar e fora dele. As mulheres vêm ao longo dos anos participando para a construção de uma sociedade mais justa, de um mundo melhor e mais equilibrado, no qual se desenha um novo papel para a mulher moderna.

A MULHER NA AMAZÔNIA

No contexto da sociedade amazonense, mais especificamente na sociedade manauara, são escassas, para não dizer quase inexistentes, as publicações e registros históricos acerca do papel da mulher na sociedade local. No entanto, tem-se conhecimento que a mulher manauara vai ocupando cada vez mais os espaços nas fábricas do Pólo Industrial de Manaus, nas universidades, no judiciário, bem como em todos os setores da economia local, contribuindo de forma significativa para o desenvolvimento da sociedade manauara como um todo.

Em novembro de 1994, foi realizado o I Encontro Amazônico Sobre Mulher e Relações de Gênero, objetivando reunir pesquisadores da Região Norte (Amazonas, Pará, Maranhão, Acre, Amapá, Rondônia e Roraima) e, conjuntamente, discutir os assuntos que estavam sendo estudados no meio acadêmico em torno da questão da mulher. Já em abril de 1996, ocorreu o II Encontro Amazônico sobre Mulher e Relações de Gênero, organizado mais uma vez pelo Grupo de Estudos e Pesquisas Eneida de Morais (GEPEM) e Rede Regional Norte-Nordeste de Núcleos e Pesquisas sobre Mulher e Relações de Gênero (REDOR). A proposta em discussão que tinha como título “Mulher e Modernidade na Amazônia” foi apontar os dilemas da modernidade em cujo contexto emergiram as questões da desigualdade de gênero, embutidas nas denúncias dos movimentos feministas organizados nas lutas pela conquista da cidadania da mulher.

Passando por questões que obliteravam a visibilidade do sujeito político mulher na construção da sociedade, utilizando-se das teorias explicativas das Ciências Sociais.

Por meio destas teorias, denunciou-se o processo de desigualdade e opressão que subordinava as mulheres a estereótipos desvalorizadores e de justificação das desigualdades sociais sofridas milenarmente. De um tempo de exclusão, em que as explicações sobre as diferenças de gênero para definir as hierarquias sociais e históricas determinando comportamentos e práticas sexistas, saltou-se para um tempo de denúncias a essa exclusão e à perspectiva de dar visibilidade ao sujeito, que é a mulher.

A história da mulher no contexto da modernidade na Amazônia pode ser contada de várias formas, evidenciando-se através destas, os traços de exploração, de violência e espoliação, de conquistas e de dominação sócio-político-econômico e cultural. Neste contexto, entrelaçam-se sucessos de fatos e conquistas nas linhas escritas pela historiografia regional. E neste cenário, as mulheres estão circunscritas em uma hierarquia de gênero, de classe e de etnia. Logo, faz-se necessário conhecer o “outro lado” da história oficial, que aponta para as rupturas com o essencialismo de figuras masculinas, brancas e burguesas, evidenciando-se, com isso, múltiplas dimensões da realidade amazônica, onde convivem homens e mulheres constituindo, através de suas experiências e práticas, um cotidiano rico e diferenciado, marcando, com isso, a diversidade e deixando de estimular a complementaridade.

HOMENAGEM

Drª. Maria Eunice Lopes de Lucena Bittencourt

Drª. Nelbe Ferraz de Freitas

Jornalista Tereza Teófilo

Jornalista Josely Azaro

Drª. Marlene Ramos da Silva

Escrivã Eladis Delzuita de Paula

Drª. Andreia de Souza Pinto

Drª. Ana Lúcia Beraldo Amed Silva

Drª. Vânia Maria David Barbosa

.

AGRADECIMENTOS

A DEUS

À PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO AMAZONAS

1x1.trans - O PAPEL DA MULHER NA SOCIEDADE MODERNA

*A digníssima juíza Maria Eunice envia-nos esse belo texto. Para este bloguinho, ela é a homenageada, pela sua eticidade em preservar a justiça em Manaus. Bela Vitória!

Leia também da juíza Maria Eunice:

HISTÓRIA DO DIREITO ELEITORAL, POLÍTICA E SUA DEMOCRATIZAÇÃO

165 thoughts on “O PAPEL DA MULHER NA SOCIEDADE MODERNA

  1. A mulher merece sum todos os elogios do mundo por ser uma pessoa guerreira e que luta pelos seus ideais.
    Eu como mulher me sinto guerreira.!

      1. ol tambem amei o blog…eu tambem estava precissando para uma pesquisa…sobre o “machismo e os preconceitos que existe sobre a mulher”…e esse blog foi essencial….e ganhei pontos a mais na nota…valeu….

    1. Polliany, Barros e toda a moçada eniceana,
      todos os preconceitos que diminuem, emperram a participação da mulher é fruto do conceito falocrático de mulher.
      Assim como o texto da juíza Maria Eunice é o texto da sua prática existencial/política atuante, seus enunciados demonstram o entendimento de um outro conceito de mulher para além dos reducionismos capitalísticos…
      Abraços afinados!

  2. Amo minha mãe, minha vó, minha irmã, minhas tias, primas,amigas, me AMO, enfim todas as mulheres do Mundo mereceeeem muitoo amoor.!

    PARABÉÉNS;D Nóos Mereeecemoos.!

  3. Jú adorei o q você escreveu muito guerreira você é pelo jeito.!
    Meeus parabéns, você merece.!
    e Parabéns todas as mulheres.!

  4. Querida,Juliana (Talvez, Juju, para os íntimos), quanta coerência.

    Tu estavas procurando ‘praga’, mas este bloguinho não carrega ‘praga’ nem de minhocas. Entretanto, tua procura não foi em vão: encontrastes ‘bosta’. Tudo que o mundo precisa para se livrar da ditadura do único ‘odor’.

    Volta sempre, Juliana. Estaremos sempre exalando múltiplos ‘odores’. Sem ‘praga, mas ‘odores’.

    1. Adorei a resposta enviada a querida “Juju”!Espero que possamos trazer à luz muitas mentes femeninas como estas.
      Quero parabeneza-los pela matéria simple, clara e que se faz urgente.

  5. A mulher ja sofreu demais,pra chegar aonde ela está hoje………….

    Todos devem respeitar esse direito dela…………….

    Nos Mulheres somos o símbolo do nosso Brasil………..

    bjssssssssssssssssss

    ate+++++++

  6. As mulheres merecem mais direitos ainda na sociedade quero que elas continuam a lutar nos seu direitos sou o jeucal mando um beijo a todas as mulheres de todo o mundo.

  7. adoreitantoq fiz pesquisa sobre este blog muito obrigada
    as mulhees preciame vaocrescer cada dia maisbjssssssssssssssssssssss

  8. Parabéns para você,também, Clayton!
    Parabéns, por você fazer parte da produção ativa desta cartografia de desejos, saberes e dizeres, que nos leva à novas formas de existências.

    Valeu, meu!

  9. eu acho que quanto o homem quanto a mulher tem o mesmo direito social nao é so por que é mulher que tem que receber menos que o homem, o homem pode muito bem pegar um prato e lavar.
    Homens mara com o machismo bobo toma vergonha e ve se lava um prato pelo menos nééééééééé………

  10. Brilhante,otimo texto,pois valorizaa mulher,quizera que todos tivessem o mesmo pensamento..Parabéns a todas as mulheres pela garra e dedicação..E por sempre lutarem por terem plena certeza que sempre há um novo amanhecer…

  11. Simplesmente adorei, vocês mulheres merecem sim serem respeitadas, por serem guerreiras,por serem anjos e por serem humanas como qulquer outro homem!!! beijãoO

  12. Adoorei este site,entrei neste site por que estou fazendo um trabalho sobre o papel da mulher na sociedade atual.
    E acheii aquii 😉

  13. Valeu companheira, Thalita! Mas não só adore, faça seus intensivos percursos mais vezes por esse Bloguinho. A inteligência coletiva tem vocè como uma produtora e transportadora de saberes, o que é necessário para produção democrática.

    Abraços afinados1

  14. Desde os primórdios da humanidade que a mulher tem lutado pelos seus direitos, tem lutado por uma vida melhor, pelo seu reconhecimento enquanto ser vivo. Antigamente, as mulheres eram usadas como sendo escravas e objectos sexuais. Faziam tudo o que lhes era imposto, eram consideradas um ser desprezível. Eram úteis apenas para cuidar dos filhos, executar as tarefas domésticas e satisfazer os homens. Aliás, infelizmente, ainda são tratadas assim em certos países.

  15. Cassia,
    em tão certos países que ainda há resquícios no Brasil que fazem lembrar até entendimentos hoministas paulinos, passando pela era colonial brasileira.
    Por isso é preciso construir um engajamento da mulher como minoria, passando intensidades e afetos de um devir-fêmea incapturável pelas históricas hierarquias do masculino…
    Abraços afinados!

  16. MULHER SER OU NÃO SER É LUTAR DIARIAMENTE CONTRA ATITUDES DE PRECONCEITO. É UM PROCESSO DE EDUCAÇÃO DE SE IMPOR PERANTE PESSOAS COMO O MAXO VERBAL, AS FUTURAS MÃES E PAIS TEM QUE EDUCAR AS CRIANÇAS PARA SEREM SERES HUMANOS , ISTO É,CAPAZES DE RESPEITAREM DIFERENÇAS DE GÊNERO E OUTRAS MAIS. PÁRABÉNS A TODAS AS MULHERES.

  17. o dia da Mulher cheag a ser mais importante que qualquer um dia, porque é neste dia especi laque eu dedico a toda Mulher da minha famiail e não so que lhesa mo muito.

  18. POR MIM A MULHER É A FONTE NA EXISTÊNCIA DA HUMANIDADE POIS SEM ELAS NÃO HAVERIA VIDA UMA VEZ QUE A MULHER É A MÃE, IRMÃ, ESPOSA, SOGRA, CUNHADA,ETC DEVEMOS VALORIZAR O MÁXIMO QUE PODERMOS.
    « EU AMO MUITO A MINHA MÃE».

  19. Oii’e
    Tenho 15 anos ..
    eu me considero uma pequena mulher em desenvolvimento ..

    ‘ASHUHSAUHSU’

    e COMO TAL Amei o seu texto ♥

    Espero q aqueles q ñ o tenham apreciado q possam algum ..
    dia mudar de opinião !

  20. Adorei, concordo dignamente com tudo descrito em seu texto, meus parabéns e a todas as mulheres do mundo, somos guerreiras e todos os nossos direitos estão sendo conquistados pouco a pouco, apesar de ainda faltar muito em certos países e em alguns fatos.

    Talitha Avila – 13 anos.

  21. Eu como mulher amei o vosso blog mas…com tudo isso eu ainda nãp descobri a cor das mangas do colete de Napoleão.
    Será que me podiam esclarecer essa dúvida.??

    Mas prontos…gostei e acho que….

    A PROSTITUIÇÃO NUNCA DEVIA ACABAR, pois muitas mulheres (mães, filhas 8e até mesmo avós) alimentam-se disso.
    Muitas mulheres pensam que isso é : só transar,transar transar!! Mas não é!!

    ….E PARA QUE FIQUE CLARO…
    EU NÃO SOU PROSTITUTA!!

    XD viva a nós…as prostitutas!!

  22. Noeli,
    manda ver, o texto da juíza Maria Eunice é público quanto seu engajamento na Justiça sem concessões, assim como público é este bloguinho!
    Abraços afinados!

  23. Bem deveriam ter vergonha na cara os que entraram aqui para comentar coisas de mau gosto sobre o texto escrito então, tenha pelo menos uma decência e vão discutir em outro site, só porque não gostaram não é obrigado a vir falar mau.

    PARABÉNS GOSTEI MUITO DESSE SITE !
    Beijos 🙂

  24. Foi a primeira vez que acessei este Blog ,estava aprocura de algo que pudesse me nortear para responder uma prova de sociologia sobre a evolução eosição da mulher na sociedade .
    Adorei o texto da Juiza é o retrato da luta das mulheres por reconhecimento que lhes é devido

    Regina

  25. a mulher desempenha um papel muito importante na sociedade sem elas não haveria novas vida afinal somos nós que damos a luz a uma nova vida

  26. Era mesmo disto que eu precisava para o trabalho de Sociologia. Muitos parabéns, está óptimo!… Só tenho pena que não fale qualquer coisinha sobre a Mulher em Portugal.

  27. ainda temos muito a conquistar, baseando-nos em nossas precursoras teremos muitas barreiras a vencer.deixando como legado para as geraçoes futuras um mundorealmente com igualdade sexual.Se DEUS quizer chegaremos lá.

  28. TODA MULHER TEM QUE SER TRATADA BEM,E SER VALORISADA NÃÕ IMPORTA QUANDO E ONDE AS MULHERES TEM QUE SER MUITO FELIZ!!!HOMENS APRENDA A VALORISAR E A AGRADAR A PESSOA Q AMA!!!

  29. parabens, a todas nos mulheres fortes e determinadas ,pontas para fazer o melhor . Qque nossas vitorias estejam muita alem do0s nossos sonhos . espero que possamos realizar muito mais hoje e sempre . principalmente por nossos filhos os biólogicos e os do coração . mae vida e luta com muitas vitórias . lembrando que somos acima de tudo MULHER!!!!!!!!!!!!!

  30. ANDREIA DE ARAUJO PACHECO.25 DE NOVENBRO DE 2011 13.40 ADOREI OS TEXTOS RETRATAM EXATAMENTE NOSSA SOCIEDADE ESSES DOCUMENTARIOS É UMA FORMA DE EXPOR SUAS IDEIAS E OBSERVAÇOES.PARABÉNS E DE PESSOAS ASSIM QUE O MUNDO PRECISA BEIJOS.AGRADEÇO COMO PESSOA E MULHER.

  31. Obrigado,estava precisando disso para um trabalho de História para hoje!
    Me ajudou muito,inclusive A Mulher na Modernidade!
    Estava perguntando: Qual é o papel da mulher na sociedade atual?Responda redigindo um texto de opinião de no mínimo 10 linhas e no máximmo 15.Ilustre-o.
    Agora só falta ilustrar…Onde será que eu acho?
    De qualquer forma você me ajudou muito, e tu és mui esperto!
    Valeu!

  32. Isso é maravilhoso, é a pura e inoscente verdade.Pode te certeza que esse texto vai ajudar muita genta,não tenho duvida alguma!Me ajudou muito, atravez desse texto descobrir algo que não imaginava que existia em mim. Valeu !!!

  33. eu achei isso muito inpotante e hoje na aula que eu tive foi falado sobre isso mulher na sociedade moderna eu achei muito interesate é e muito inpotante as pessoas sabe dessa historia amei gostei e vou agora fazer um trabalho falado sobre isso

  34. nossa estou contente com as explicassoes aqui presente acho super interessante e importante cada uma das coisas que aqui estao tudo presente neste conteudo e de primeiramao!!! muito legal mesmo.

  35. hoje nòs estamos no ano de 2012 8 de março dia internacional da mulher
    estou fasendo uma pesquisa o papel da mulher na sociedade de hoje

  36. Adorei o texto, é bastante claro e objetivo.
    Mim encheu de inspiração, ocupando o vazio que faltava para fazer a minha redaçã. rsrs

    Obrigada!

  37. Esse texto está aprovadissimo.
    Além de está valorisando a pessoa maravilhosa que é a mulher ele está ajudando os estudantes a fazer uma boa radação.
    Parabéns!

    E o meu muito obrigada!!!!

  38. gostei muito do seu texto,me ajudou a construir minha redação……….
    obrigada….(comemtando um pouco sobre seu texto) parabens para nos mulheres que a cada dia estamos adquirindo a independência e nao importa qual for a profissão q executamos,todas devem ser respeitada e remunerada igualmente entre homens e mulheres..

  39. Você mulher, apartir de hoje para dar a luz gemerás de dor. E tu homem, a partir de hoje para sustentar a sua família transpirarás. Aqui foi dada a funcao da mulher e do homem na sociedade. É uma vergonha hoje vermos homens e mulheres se demitindo das suas funções. Na medida em que a mulher vai se demitindo da sua função, as sociedades vão se degradando. Ela é o centro da existência, da educação, é o espelho das sociedades. Se observarem, na medida em que as mulheres lutam pela conquista do espaço que na verdade já têm, as sociedades vão degradando. Já não há quem toma conta das futuras gerações. filhos abandonados nas creches e ruas, já não querem nascer porque o dinheiro nao chega para muita família,….. Mas de que forma vocês agradecem aos vossos antepassados por terem vos nascido? Aprovando o aborto? Vós mulheres, sós rainhas por natureza. É uma questão dos homens repensarem que ao pé do valor da mulher o homem não pensa chegar.
    DC

    1. ao longo da historia a mulher sofreu descriminaçoes e humilhaçoes se o homem nao valorisou a mulher ela esta buscando sua valorizaçao

  40. Uma pesquisa me trouxe até aqui.
    Desde q tenho parado pra pensar sobre o papel da mulher na sociedade atual que venho pesquisando.
    Muito bom o conteúdo! A mulher tem q saber reconhecer todas as suas facetas e se orgulhar delas, se utilizando de cada uma como um trunfo.
    Parabéns!

  41. muito bom o texto, as mulheres pela trajetória e esforsos de igualdades merecem todo reconhecimentos,e ira me ajudar no trabalho de administracão.parabéns!!!Òtimo texto!!!

  42. conteúdo muito interessante
    foi bom para a minha pesquisa agradável para minha defesa
    (ª_ª)
    mas queria mas muito mas =^_^= kkkkkbla bla bla bla

    gostei do site porque uma devastadora organização de conteúdo
    «?.?»

  43. Não existe nada mais importante na vida do que ter a Mãe ao seu lado, penso eu se não existia mulher lógico que eu também não existiria, Respeito muitos todas as mulheres do mundo.
    Infeliz mente sou um dos que já não me contra com essa pessoa ( Mãe) para que tem essa pessoa em sua vida Cuida, Respeita e Valoriza, porque quando perdera-la sinistrais muito sozinho (a) Mãe é Mãe nunca vai existir alguém capaz de Substitui-la. Assinatura do Titula: Andelson Barrso ( Dj Talidjy.

  44. Um trabalho bem elaborado mostrando a realidade da mulher braileira e sua condição real num mundo machista…
    Cada dia que passa a mulher vai conquistando seus espaços em todas as áreas da sociedade brasileira,através da conscientização do seu papel na sociedade brasileira ,seja profissionalmente,politicamente,dona de casa,…A educação é um meio para abrir a visão da mulher dos seus Direitos Constitucionais inserida na Constituição Brasileira.Direitos Iguais entre mulheres e homens…

  45. O que eu não compreendido é na realidade como és não na verdade muito mais ordenadamente-favorecido que você pode ser agora.
    Você é muito inteligente. Você entende portanto consideravelmente quando se
    trata de isto assunto, feita me individualmente imaginar
    de numerosos variados ângulos. Seu gosto homens e mulheres não interessados a
    menos que é uma coisa para fazer com Menina gagá! Sua
    própria para animais pendentes. O tempo todo identificador-se!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *